Excelência Científica

Excelência Científica


O objectivo deste pilar consiste no apoio à ciência de bitola mundial através do desenvolvimento, da atracção e da manutenção dos talentos na investigação e no apoio ao desenvolvimento das melhores infraestruturas de investigação.


Financiamento 2014-2020

  • Conselho Europeu de Investigação (ERC): Investigação de fronteira pelas melhores equipas individuais: 13,1 mil milhões de euros;
  • Tecnologias emergentes e futuras (FET): Investigação colaborativa para abrir novas áreas de inovação: 2,7 mil milhões de euros;
  • Acções Maria Sklodowska-Curie (MSCA): Oportunidades de formação e desenvolvimento da carreira: 6,17 mil milhões de euros;
  • Infraestruturas de investigação (incluindo infraestruturas electrónicas): Garantir o acesso a instalações de nível mundial: 2,5 mil milhões de euros.

Quem pode candidatar-se

  • Conselho Europeu de Investigação (ERC): Jovens investigadores de excelência em início de carreira, cientistas independentes e investigadores eminentes;
  • Tecnologias emergentes e futuras (FET): Consórcio de pelo menos três entidades jurídicas; 
  • Acções Maria Sklodowska-Curie (MSCA): Investigadores em início de carreira ou investigadores experientes, pessoal técnico, programas nacionais/regionais de mobilidade de investigadores;
  • Infraestruturas de investigação (incluindo infraestruturas electrónicas): Consórcio de pelo menos três entidades jurídicas.

Twitter